Fio dental, escova interdental e limpador de língua

10 de março de 2015 20:17
   


Veja como segurar o fio dental e posicionar suas mãos para ter eficiência e conforto no uso do fio dental. Veja também em que casos usar a escova interdental e como usar o raspador lingual para uma higiene completa. Recomendação não mostrada no vídeo: Em cada um dos espaços interdentais, há duas superfícies a serem limpas com o fio dental. Use o fio dental para “abraçar” cada uma dessas superfícies, adaptando o fio à curvatura do dente e formando com ele uma letra “C”. Acréscimos ao áudio original: ver textos entre colchetes na legenda. | Sempre consulte um dentista para esclarecimentos e adaptações individuais ao seu caso.

Compartilhado por: ConsejoDentistasprodução: Consejo General de Colegios de Dentistas de España | sinopse, tradução e locução: RBC | tradução e legendas: EAN

a transcrição do áudio traduzido.

O fio dental é um complemento perfeito à escovação, já que elimina os restos de comida e a placa bacteriana que ficam entre os dentes e que a escovação não consegue limpar. Devemos usá-lo ao menos uma vez por dia.

Vamos cortar um pedaço de fio de cerca de 40 cm e, com cada extremidade, daremos diversas voltas em torno do dedo médio de cada mão. Durante o uso, continuaremos a enrolar o fio em volta do dedo médio de uma das mãos. Assim, podemos ir soltando de um lado e enrolando do outro para podermos passar um trecho de fio limpo a cada vez.

Para manipular o fio, usamos sempre os dedos indicadores e polegares de ambas as mãos. Para a parte superior, estendemos o fio desde o polegar de uma mão até o indicador da outra. Colocamos o dedo indicador apontado para o interior da boca.

Introduzimos o fio suavemente, exercendo uma pressão lateral contra o dente, nunca contra a gengiva. Passamos o fio em cada um dos espaços interdentais, limpando as laterais de ambos os dentes.

Para a parte inferior, colocamos as mãos de forma a apoiar o fio entre ambos os indicadores. Realizamos os movimentos exatamente como na parte superior.

As escovas interdentais são de grande utilidade para completar a higiene quando existem espaços grandes e onde o fio dental não é suficiente para eliminar adequadamente os restos de comida e a placa bacteriana. Isso pode ocorrer quando os dentes estão separados uns dos outros (ou quando há retrações gengivais).

Inserimos a escova cuidadosamente no espaço interdental e realizamos movimentos horizontais entrando e saindo desse espaço. É importante escolher uma escova de tamanho adequado, que deve entrar suavemente entre os dentes. As cerdas da escova devem fazer contato somente com os dentes.

Nas pessoas com doença periodontal, podem surgir espaços entre os dentes em decorrência da redução de tecido ósseo e da retração da gengiva. Nesses casos, é fundamental usar escovas interdentais para manter limpos esses espaços. Inserimos a escova no espaço entre a gengiva e os dentes e realizamos movimentos horizontais.

Para uma higiene bucal completa devemos sempre terminar limpando a superfície da língua. Os raspadores são uma boa alternativa para isso. Tal como na técnica de escovação manual, colocamos a língua para fora e posicionamos o raspador na parte posterior. Em seguida, realizamos varreduras em direção à parte anterior, sempre de trás para frente.


516
Visualizações