Causas da cárie dentária

5 de agosto de 2015 13:04
   


Veja como as bactérias da placa bacteriana produzem ácidos que corroem (desmineralizam) o dente e formam a cárie dentária. Só a higiene bucal diária (complementada por visitas regulares ao dentista) consegue remover a placa e prevenir a cárie. | Sempre consulte um dentista para esclarecimentos e adaptações individuais ao seu caso.

Compartilhado por: Jamie J. Alexander D.D.S., P.A. | produção: CAESY Education System | sinopse, tradução e locução: RBC | tradução e legendas: EAN

a transcrição do áudio traduzido.

Nas aulas de ciências, aprendemos a tomar muito cuidado com ácidos. Da mesma forma, se não tomarmos cuidado com os ácidos naturais em nossa boca, acabaremos tendo cáries.

O inimigo que devemos enfrentar para prevenir a cárie é a placa bacteriana. A placa é uma película pegajosa de comida e bactérias que se forma constantemente sobre os dentes. Não é fácil enxergar a placa, mas repare como ela aparece quando aplicamos um corante vermelho.

Se você não remover a placa todos os dias, as bactérias em sua boca produzirão ácidos que acabarão por fazer um buraco no seu dente. A cárie é justamente isso: um pequeno buraco na superfície externa de seu dente.

Essa dura camada externa do seu dente é chamada de esmalte. Abaixo do esmalte existe uma camada mais mole, chamada de dentina. Depois que atravessa o esmalte e atinge a dentina, que é mais mole, a cárie se expande rapidamente.

É por isso que é tão importante fazer “check-ups” e limpezas regularmente. O seu dente pode ser tratado enquanto a cárie ainda é pequena e está apenas na camada do esmalte. Simplesmente removemos a cárie e colocamos uma restauração no lugar.

A restauração é uma ótima solução para a cárie. Porém, para evitar problemas futuros, escove os dentes e passe o fio dental diariamente para manter a cárie longe de seus dentes.


202
Visualizações